Seguidores

ACONCHEGO




ACONCHEGO...



Chego de mansinho,

Nem percebes...

Deito ao teu lado

Na cama aquecida

Nem percebes...

Abraço-te com ternura

Acolhes-me por reflexo

Beijo-te na face

Esboças um sorriso

Sussurro-te ao ouvido

Amo-te, mocinha!!!

Teus braços me envolvem

Num abraço mais apertado

Com os olhos fechados

Nem me vês...

Cheguei antes do sol

Sai como entrei

E te fiz feliz ...



TONY (DOCE MAGO)
08.01.2010

3 comentários:

Maria | 5 de fevereiro de 2010 16:33

Duas poesias lindas! vc se expressa de uma maneira especial.
Parabéns!!

Baiertec | 7 de fevereiro de 2010 18:32

Bravíssimo, Antonio.
Fortes palavras.

Antonio | 26 de fevereiro de 2010 13:52

MARIA INÊS,

Gratissimo, querida amiga.
Beijos

BAIERTEC,

Obrigado pela presença. Será sempre bem vindo.
Abraço